Habilidades sociais de crianças e adolescentes com deficiência em diferentes contextos

Coordenada pela professora Patricia Lorena Quiterio. A inclusão de crianças e adolescentes com deficiência é crescente nas escolas e em outros ambientes interativos. O objetivo geral é promover as habilidades sociais e comunicativas de crianças e adolescentes com deficiência, na relação interpessoal com diversos interlocutores (pares, familiares, professores e agentes de saúde e educação), melhorando a qualidade das relações interpessoais em diferentes contextos (família, escola, hospital). Essa linha de pesquisa envolve atividades de pesquisa e extensão junto aos diferentes interlocutores por meio de: a) Programas de Promoção de Habilidades Sociais para crianças e adolescentes com deficiência; b) Programas de Promoção de Habilidades Sociais Educativas Parentais para os familiares e; c) Programas de Promoção de Habilidades Sociais Educativas e Inclusivas para os professores e agentes do contexto clínico / hospitalar. Neste sentido, devido às demandas específicas da população com deficiência, a pesquisa está fundamentada em estudos do Desenvolvimento Socioemocional, das Habilidades Sociais, da Inclusão/Educação Especial e da Comunicação Alternativa como forma de expressar os pensamentos e os sentimentos, bem como favorecer a comunicação e, consequentemente as relações interpessoais com foco na promoção da saúde mental de crianças, adolescentes, familiares e professores, especialmente de pessoas com deficiência.  Projeto FAPERJ APQ-1_2019.

Profa. Dra. Patricia Lorena Quiterio